Posts Tagged 'negociação'

Sobre Homens e Mulheres: um ensaio de experiências. Quando o amor te submete…

Quem já não amou tanto que fazia qualquer coisa para estar ao lado de quem amava? Quem já não amou a ponto de submeter-se a migalhas de atenção, e ainda assim sentir se uma rainha?…Quem já não amou a ponto de simplesmente saber que o outro pensou em você, e já lhe fez sentir satisfeito?

A “entrega” é um fenômeno, muitas vezes involutivo, colocamos nossas vidas nas mãos de outra pessoa e acreditamos que morreremos caso ela nos abandone. Este medo, pânico inconsciente, nos submete a uma lista de ações conscientes de submissão. Aceitamos, nos enganamos e fingimos estarmos muito bem, quando na verdade, estamos tentando sobreviver no meio de um vendaval. Vendaval de emoções, onde o frio do vento gelado umedece nossa pele a cada descaso, ou negativa. A cada troca de você pelo programa da hora, ou pelo estar consigo mesmo.

O amor muitas vezes prega peças, e quando nos damos conta já estamos tão distantes de nós mesmos que precisamos dar a volta ao mundo para nos reencontrarmos.

A sustentação de nossa individualidade e a negociação da parceria se tornam absolutamente saudáveis quando estamos amando. O famoso amor chiclete, aquele que você precisa respirar pelo pulmão do outro, traduzindo: ver todo dia, toda hora, todo instante, caso contrário o rombo no peito o sufoca até matá-lo. E o sinal contundente de que você é uma presa fácil ao amor submisso.

Trabalhe suas carências afetivas,ligue-se em você.Aprenda a autonutrir- se ,se de atenção ,carinho, e auto-reconhecimento. Viva, para você. Nenhuma pessoa que não se sente inteira conseguirá não submeter-se ao amor. Pois nutrição é uma forma de sobrevivência.

 

 

Ceura Nolasco

Psic.Especialista em Desenv.Humano

 

  

 

Anúncios